NOTÍCIAS


Repórter da Globo vai à delegacia após ser agredido durante o trabalho: ‘Recebi um tapa’.

Erick Rianelli acompanhava o caso de uma defensora pública aposentada denunciada por injuria racial.

O repórter da Globo Erick Rianelli se pronunciou nesta sexta-feira, 18, após serem divulgadas imagens em que é agredido durante uma reportagem. “Não sei o que motiva o ódio. Esse sentimento não faz parte da minha vida. Como cidadão e jornalista, fiz a minha parte. Fui à delegacia, relatei o que aconteceu. Recebi um tapa e uma chuva de carinho. Obrigado a todos pelas mensagens e pela preocupação. Sei que não estou sozinho”, declarou o jornalista nas redes sociais. O caso aconteceu no Fórum de Niterói, no Rio de Janeiro, na tarde de quinta-feira, 17. O assunto repercutiu após as imagens serem divulgadas pelo G1. A confusão começou porque a defensora pública aposentada Cláudia Alvarim Barrozo, que foi denunciada por injúria racial contra dois entregadores, não queria ser filmada. A filha dela, que a acompanhava, deu um tapa na mão do repórter porque ele segurava seu celular, e, nesse momento, ela atingiu o rosto dele e derrubou seu óculos. Na sequência, Cláudia deu um tapa no braço de Erick. “Você acha isso correto? Você acha correto bater no rosto das pessoas? Jamais agredi a senhora, jamais agredi qualquer pessoa”, disse o jornalista à filha de ex-defensora pública. Ao ser retirada do local, a aposentada também é vista dando chutes e derrubando uma placa no chão. O repórter ficou com um ferimento no nariz, mas passa bem.

Fonte:- Jovem Pan




21/11/2022 – Sintonia FM

SEGUE A @SINTONIAFM87.5

(11) 4012-4292

contato@sintoniafm.com
Rua: Machado de Assis nº 56 – 1º Andar  Bairro: Jardim Santos Dumont. Cidade:- Bom Jesus dos Perdões – S/P – WhatsApp: – (11) 9.1569-2999.

NO AR:
AUTO PROGRAMAÇÃO